quinta-feira, 31 de maio de 2012

Como agir contra a agressão verbal?


Respondendo ao Abuso Verbal:

Se o seu cônjuge, a pessoa que você está mais próximo do habitual, o agride verbalmente e rejeita seus sentimentos, você começará a ver a si mesmo e suas necessidades como sem importância e irrelevante. Quando você finalmente reconhecer que pode estar sofrendo de agressão verbal terá que se focar e procurar ajuda. Aqui estão alguns passos que você pode seguir:


·         Abuso nunca se justifica assim, você nunca deve se sentir culpa.
·  Deixe o abusador saber que suas palavras são nocivas e discuta com ele o fato de que isto é inaceitável. Estabeleça limites sobre o que você vai e não vai aceitar a partir do seu agressor.
· Procure aconselhamento, em conjunto ou separadamente. Não haja como vítima, mostre-lhe, através de suas ações que você é um adulto e só aceitará respeito. Você pode fazer isso quando não responder com palavras feias, com raiva ou vitimização. Saia do ambiente e diga que está saindo, pois não concorda e não aceita este tipo de agressão.
·         Cerque-se de um sistema de apoio de familiares e amigos. Discuta com eles o que está acontecendo e como você está sentindo.
·         Se o abuso verbal poderá torna-se abuso físico. Sua segurança pessoal é muito mais importante do que a relação.
·         Não bata de frente com o seu agressor. Tenha calma e foque aonde quer chegar. Respire e seja firme. Tudo que eles querem e ter ver explodindo.
·         Tente retomar o seu poder. Busque não reagir às agressões do abusador, pois é tudo o que ele quer, pois terá a certeza de que têm poder sobre suas emoções. Não permita que o abusador tenha controle sobre como você se sente.
·         Há momentos em que a melhor coisa que você pode fazer por si mesmo é romper todos os laços com o seu agressor. Se você tomar essa decisão consulte um advogado. familiarizado com a violência doméstica, procure o seu sistema de apoio e foque na aprendizagem busque obter boas habilidades de enfrentamento.
Por favor, se puder deixe um comentário, sobre o que gostaria que eu escrevesse ou se gostaste do assuntos abordado, obrigada.

Boa Sorte,
Qualquer coisa entre em contato conosco que iremos lhe auxiliar.
Martina

Nenhum comentário:

Postar um comentário